segunda-feira, 3 de novembro de 2008

(Divagação)

(Fragmento importante de um texto de 2005, iniciando mudanças internas)

"...Meus propósitos na vida estão cada vez mais claros e objetivos e tenho tentado entender todas essas coisas que me envolvem no momento... Mas relacionando as decepções que já causei na minha vida para os outros (e sei que também foram muitas), com as que eles já me causaram, resolvi ter um afastamento maior, de pessoas. Na verdade, como há um tempo disse, tenho tirado de minhas frases coisas como “pra sempre”, “nunca vou deixar de” ou “pra vida toda”...Isso me ajuda a compreender que temos mesmo é que aproveitarmos aquele momento específico seja com nossa família, amigos ou nosso amor...Pois uma hora aquele momento específico acaba, e se soubermos disso, já tivermos compreendido isso, sofreremos menos e magoaremos menos. Não quero culpar ninguém mais, ainda que decepções me causem tristeza. Quero tentar entender que a vida é assim, ás vezes estamos rodeados por pessoas que achamos que estarão a vida toda ali, e outras vezes essas mesmas pessoas escapam, antes mesmo que se perceba ou entenda o porque. E isso tudo mudou muito dentro de mim."

*************************************************************************************
Reeditado 21/04/2015


Nenhum comentário: